sábado, 10 de março de 2012

Maranhao sera referencia em pericia criminal na Regiao Nordeste

Governo e Secretaria Nacional de Segurança Pública firmam parceria

A Polícia Técnico-Científica do Maranhão receberá investimentos que deverão torná-la referência nos trabalhos de perícia criminal na região Nordeste. Os incrementos foram anunciados durante reunião do secretário de Segurança Pública, Aluísio Mendes, com a secretária nacional de Segurança Pública, Regina Miki, e o deputado federal Lourival Mendes (membro da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara Federal), ontem, na sede da Senasp, em Brasília. Na pauta, também foram tratados outros assuntos que beneficiarão todo o Sistema de Segurança do Estado.

Com a decisão da titular da Senasp, os projetos dos Institutos Médico Legal (IML), de Criminalística (Icrim), de Identificação e o Centro de Perícias, já em andamento, ganharão nova dimensão. No encontro, Regina Miki garantiu que uma equipe de técnicos da secretaria, composta por engenheiros, peritos e médicos legistas, será enviada ao Maranhão para desenvolver o projeto do novo prédio do Complexo da Polícia Técnica- Científica em São Luís, que será construída em área pertencente à SSP e que fica em frente à sede atual do IML.

Os profissionais também vão oferecer capacitação aos servidores que trabalham nestes órgãos. Com as mudanças, o Complexo da Polícia Técnica-Cientifica em São Luís seguirá o planejamento que vem sendo adotado pelo Governo Federal, dentro da política de modernização da Perícia Criminal de todo o Brasil.

O processo de licitação da empresa que irá executar a obra deverá ser iniciado até o próximo mês. Nos serviços de construção do novo prédio, serão aplicados recursos da ordem de R$ 7 milhões.

Teremos uma das melhores estruturas em nível de Brasil. Estamos firmando várias parceiras e convênios para dotar o aparato de Segurança do Maranhão com o que há de melhor em tecnologia e estrutura em nível nacional. A reunião com a secretária nacional foi extremamente proveitosa, uma vez que iremos aliar os investimentos nas esferas federal e estadual para que tenhamos um Sistema de Segurança bem equipado e desenvolvendo ações com mais qualidade , destacou.

A secretária Regina Miki reafirmou o compromisso de que, após a finalização da construção do novo prédio, o Governo Federal doará ao Maranhão todos os equipamentos e materiais, dotando assim o Complexo de uma estrutura moderna para que funcione dentro da nova concepção de Polícia Técnica-Científica.

Vídeomonitoramento - Na pauta, os gestores trataram também da ampliação e modernização do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) em São Luis, projeto este já em fase de andamento. Para auxiliar nos trabalhos de patrulhamento policial em toda a Região Metropolitana da capital, foi discutida também a implantação do Sistema de Vídeomonitoramento. Regina Miki afirmou que o Governo Federal dará total apoio na execução do projeto

O secretário de Segurança anunciou ainda a substituição do sistema usado na central de atendimento, que passará do analógico para o digital, garantindo maior eficiência na troca de informações. O investimento no projeto será de cerca de R$ 16 milhões. Essas mudanças darão um salto de qualidade nas nossas ações policiais em toda Grande São Luís. Após a implantação no Ciops, o atendimento no 190 será mais rápido e eficaz, proporcionando mais segurança a nossa população , garantiu Aluísio Mendes.

Durante o encontro, o secretário Aluísio Mendes fez o convite à Regina Miki para participar da XXXIII Reunião Ordinária do Conselho de Segurança Pública do Nordeste (Consene), que acontece nos dias 22 e 23 deste mês, no Hotel Luzeiros, em São Luís. A secretária confirmou presença no evento, que reunirá todos os secretários de Segurança Pública, comandantes das Polícias Militar, do Corpo de Bombeiros, chefes da Polícia Civil e ainda superintendes das Polícias Federal e Rodoviária Federal das nove unidades federativas do Nordeste, para discutir a implementação de políticas públicas de enfrentamento e combate à criminalidade na região.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fiquem à vontade para opinar, criticar, sugerir...